Padrinhos e Madrinhas de praxe e como pedir

Hallo^^ Esta semana estão a decorrer as inscrições dos novos alunos nas faculdades, os nossos queridos caloiros! Calculo que muitos de vocês que acabaram de entrar já estejam a pensar muitos passinhos à frente, inclusive se vão ou não gostar das pessoas, se vão ou não ser bem recebidos, se vão ou não à praxe e ainda como é que é a história dos padrinhos e madrinhas! Por isso hoje explico-vos um bocadinho desta tradição e ainda vos deixo algumas dicas de como podem fazer o pedido! Curiosos?!


Começando pelo básico, o que são estes marmelos dos padrinhos e madrinha?! O padrinho e /ou madrinha (podes ter um dos dois ou ambos) são pessoas com as quais vocês se identificam, com as quais gostam de passar tempo e principalmente pessoas que vocês acham que vão estar lá para vos apoiar no vosso percurso académico e não só, estão lá para o que der e vier. 


Eu enquanto afilhada posso-vos dizer que não me arrependo nada das minhas escolhas, a minha madrinha sempre que podia ajudava-me, tive ainda o privilégio de a ter durante um ano e meio como colega de casa e foi fantástico! O meu padrinho faz parte do meu pequeno/grande grupo de amigos, logo não se livra de mim tão rapidamente (risos) e logo no primeiro ano emprestou-me um livro de uma das cadeiras que me deu imenso jeito!


Enquanto madrinha espero que eles não tenham queixas minhas (risos), não podia ter melhores afilhados, eles são 4, 3 raparigas e um rapaz, todos eles muito atinadinhos e 5 estrelas! É uma honra poder tê-los na minha família e o momento de traçar-lhes a capa foi perfeito, já ralhei com eles, já me ri com eles, já andei a mexer em projetos com eles, só me falta mesmo o jantar de família completa lá em casa que eles andam sempre desencontrados!


Como podem ver, o relacionamento entre padrinhos, madrinhas e afilhados é algo muito bonito, mas como é óbvio têm de ser muito bem escolhidos e com isso tem de vir um pedido em condições também (risos). É sempre bonito oferecer alguma coisa com o pedido e aqui ficam as minhas dicas e sugestões:
(atenção que não tem de ser comprado, façam coisas!)


1- Vejam bem quais são as paixões dos vossos futuros padrinhos.

Perguntem a amigos ou falem muito com eles e descubram se têm algum hobbie que adoram. Por exemplo a minha madrinha adora fotografia eu fiz-lhe uma merendeira em forma de máquina fotográfica. O meu afilhado como sabe que eu gosto de bricolage fez-me uma caixa toda ela em rolinhos de papel.

2- Comida favorita ou bebida

Oferecer este tipo de coisas auxiliado de um papel, nota ou mesmo pedido bonito fica sempre bem. Descobrir esta parte é super fácil, nem que vejam ao combinar um café ou numa saída à noite. Uma das minhas afilhadas teve a excelente ideia de me oferecer um pacote de oreos, dos grandes! Ela passou aqui pelo blog, viu a receita do ano passado e descobriu assim o meu doce favorito. (smart girl!)



3- Decorar o "alimento"

Ainda dentro do tópico anterior podem decorar a embalagem, eu quando pedi ao meu padrinho comprei-lhe uma lata de cerveja e corretor e enchi a lata toda com desenhos e com o nome dele! Nesse ano vi também amigas minhas a decorarem barras de chocolate, até fazer frases com várias seguidas, é só ter imaginação

4- Sejam originais

Baseado em tudo o resto, sejam originais e não façam só por fazer, se de facto querem essa pessoa para padrinho ou madrinha é por alguma razão, e de certeza que já os vão conhecer um bocadinho, eu sei que é pouco o tempo para pensarem bem e decidirem mas de certeza que no meio de tantos doutores e doutoras vão encontrar os vossos!


Espero que tenham gostado das minhas pequenas dicas e ideias para este pedido e se tenham inspirado tanto nos meus padrinhos como nos meus afilhados (e talvez um bocadinho em mim), divirtam-se tanto nestas primeiras semanas, como no resto do ano e do curso! Vejam mais sobre a minha experiência na universidade e praxe nos links seguintes. Até ao próximo post! kiss^^


16 comentários:

  1. Não percebo nada destas coisas, porque não fui para a faculdade. mas confesso que gosto de ler estes posts, vejo que deve ser uma experiência única mesmo!

    THE PINK ELEPHANT SHOE // GANHA UMA BEAUTY BOX!

    ResponderEliminar
  2. Não fui praxada, mas já assisti a várias praxes e geralmente são inofensivas e bastante positivas para as pessoas conhecerem-se e integrarem-se. No entanto, já assisti a uma praxe humilhante e não concordei nada com o que fizeram lá. Também não concordo que enganem os caloiros e façam coisas sem eles estarem à espera. Isso não reflecte, a meu ver, o verdadeiro espírito da praxe, que é de divertimento e de união.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só posso falar pelo que vivi e no meu curso todas as atividades são feitas para os caloiros se divertirem e a pensar no bem estar deles! Até fazemos um dia de passeio por Lisboa para mostrar a cidade, enquanto caloira se não fosse esse passeio nunca teria passado esses sítios.

      Eliminar
  3. Olha que não sabia que era assim que se pedia mas gostei de saber um pouco mais
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
  4. Depende das academias, eu nunca escolhi o meu padrinho, ele escolheu-me. São experiências giras, mas que depende muito de como cada um a vive. Eu estudei na Guarda e fui muito feliz!
    Beijinhooo
    Rtissima Blog

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério? Não fazia ideia que havia faculdades em que o pedido é ao contrário, de todos os sítios onde tenho amigos são os caloiros que escolhem o padrinho.

      Eliminar
  5. Andas te em que faculdade e tiraste que curso? Beijinhos

    https://apenas-pequenos-detalhes.blogspot.pt/

    Instagram: @apenas_pequenos_detalhes

    ResponderEliminar
  6. Vou agora para o 3º anos de engenharia informática no IST :)

    ResponderEliminar
  7. Gostei imenso do post! E não pude deixar de me rir na foto onde está o teu padrinho em que está um rapaz que parece que está a fazer-se a foto ahah

    Beijinhos
    That Girl | FACEBOOK PAGE | INSTAGRAM | TWITTER

    ResponderEliminar
  8. Que post diferente e original, gostei!
    Beijinhos
    www.beatrizcouto.com

    ResponderEliminar
  9. Sem dúvida um dos melhores anos da minha vida - o ano de caloira!

    Ainda não tenho os meus afilhados, em enfermagem em Coimbra é um pouco limitado, não poderei ter tantos como tu mas o importante é que os poucos que tiver sejam tão bons afilhados como eu fui no meu ano, e espero também ser tão boa madrinha como a minha foi!

    Uma amizade excelente que se forma nas primeiras semanas do curso e que, tenho certeza, muitas delas são para a vida inteira!

    Beijinhos, amei o post!! Where I Belong

    ResponderEliminar
  10. Adorei o teu post, tenho a certeza que respondeste a muitas duvidas de muita gente que este ano entra no ensino superior e está muito ansiosa com esta história dos padrinhos, das praxes e assim!!!
    :D
    http://omundodajesse.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Obrigado :D

    E fiz o pedido ao meu padrinho de forma muito direta eheh :D

    NEW OUTFIT POST | Priceless // NEWS ARE COMING.
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  12. E depois há quem tenho 2 dias para escolher madrinha e lhe ofereça um chocolate com um post it!! Acho que o pedido acaba por não ser o mais importante, mas sim a pessoa e tudo aquilo que se passa depois na relação de amizade que vai existir.
    Beijinhos,

    A Maiazita

    ResponderEliminar
  13. opaaa achei este um post tão giro! eu não sei o que é passar por tudo isso, pois o que eu queria era terminar o 12ºano e xau escola, xau aulas! nunca fui amiga de estudar ehehe

    BLOG | FACEBOOK | INSTAGRAM

    ResponderEliminar
  14. Sim, acho que a parte de ser original é fundamental. Infelizmente eu não tive afilhados.. Também ausentei-me nesse ano (fiz Erasmus), mas acho que ninguém me queria (porque berrava muito). hehehhe

    ResponderEliminar